Honda C-100
Dream
   
Honda CBX 250
Twister
     
 Motos Raras
& Clássicas
Sundown Hunter 90 Sundown STX
Motard
     Mapa do site

Bookmark and Share

English      Próxima página sobre a Sundown STX Motard:  10    11   12   13  14  15 

Viagens em 2011 - Uma motard na Chapada das Mesas - MA

Ao clicar em cada foto, você a verá em tamanho maior numa outra janela.  Todas as fotos tem legenda.


No meu entendimento uma boa maneira de se comemorar datas especiais ligadas ao motociclismo é realizando uma viagem de moto.  Eu costumo celebrar as minhas datas desta forma.

Divisa de estados: Goiás e Tocantins

Pórtico da cidade de Paraíso do Tocantins - TO.

Posto BR Décio - Gurupi - TO

Divisa de estados: Goiás e Tocantins.            Pórtico da cidade de Paraíso do Tocantins - TO.            Posto de combustíveis BR Décio - Gurupi - TO. Tarde do dia 08/10/2011.

Neste ano de 2011 além de completar os meus 41 anos de motociclismo eu alcancei 60 anos de idade.  Durante o mesmo já fiz duas viagens interessantes e gratificantes: na primeira, realizada no final do mês de Maio e início do mês de Junho/2011, fiz um giro rápido pelo Centro-Oeste brasileiro.  Na segunda, realizada no mês de Julho/2011, fui a Foz do Iguaçu - PR com amigos no trajeto Do Cerrado às Cataratas.

Visual de mesa da Chapada das Mesas, trecho entre Araguaína - TO e Filadélfia - TO.

Chegada em Filadélfia - TO. a caminho do porto das balsas.

Travessia de balsa: Filadélfia - TO para Carolina - MA.

Visual da Chapada das Mesas próximo a Filadélfia - TO.        Chegada em Filadélfia - TO, a caminho do porto das balsas.        Cruzando o rio Tocantins, de Filadélfia - TO para Carolina - MA.

Este terceiro roteiro - Chapada das Mesas - MA - foi feito com a intenção de explorar um pouco mais o território brasileiro, e ao mesmo tempo conhecer mais uma região diferente que se soma às outras Chapadas que já conheci em viagens de moto (Chapada dos Veadeiros - GO em 2009 e 2010  e Chapada dos Guimarães - MT em 2011).

Informações sobre a Chapada das Mesas:    http://pt.wikipedia.org/wiki/Parque_Nacional_da_Chapada_das_Mesas

Desta forma ficam faltando dois outros roteiros (Chapada do Araripe, localizada na fronteira dos estados do Ceará, Piauí e Pernambuco; e Chapada Diamantina - BA) para que eu visite as cinco chapadas brasileiras.  E isto viajando na mesma moto de 200cc - a minha Sundown STX Motard.

Mesa da Chapada das Mesas - MA, a caminho da Pedra Caída.

Outra formação rochosa próxima à Pedra Caída - Chapada das Mesas - MA.

Margem do rio Tocantins em Carolina - MA.        Formação rochosa da Chapada das Mesas - MA.        Visual das formações rochosas a caminho da Pedra Caída.

Ao percorrer novamente um grande trecho da rodovia Belém - Brasília (BR-153) agora em 2011, me vem à lembrança a grande viagem que fiz com dois amigos no final de 1980 e início de 1981 com a minha Honda CB 400.  Naquela ocasião foram 8.400 km percorridos em 30 dias: saímos de Goiânia - GO, passamos por Brasília - D.F., Belo Horizonte - MG, Vitória - ES, Salvador - BA, todas as capitais do Nordeste brasileiro, cruzamos o interior do Maranhão - na ida em um dia de Teresina - PI até Belém - PA - e de lá rodamos pela rodovia Belém - Brasília até Anápolis - GO e finalmente fechamos o nosso roteiro em Goiânia - GO.  Quantas boas lembranças me vem à memória! http://www.caldas.com.br/30anos/anos802.htm  e  http://www.caldas.com.br/30anos/anos802a.htm
 

Formação rochosa semelhante a uma tartaruga.

Vista do morro da Pedra Caída. Igrejinha na encosta do morro.

Rua de Carolina - MA com suas casas típicas.

Morro da Tartaruga.    Visual magnífico do Morro da Pedra Caída, com sua igrejinha na encosta.    Rua típica de Carolina - MA, ao fundo avista-se o rio Tocantins e na margem oposta a cidade de Filadélfia - TO.

Aquele foi um roteiro percorrido em quatro regiões brasileiras (Centro-Oeste, Sudeste, Nordeste e Norte); durante aquela viagem terminei o amaciamento do motor da minha Honda CB 400, que havia sido adquirida em Maio de 1980. Eu tenho consciência de que eu e meus amigos fazemos parte do grupo de motociclistas que foram os precurssores das grandes viagens de moto no território brasileiro.

Marco do primeiro centenário da cidade de Carolina - MA. Atualmente a cidade tem 152 anos de fundação.

Camionete da Funai carregada de compras e pertences de índios Krahô.

Casal de índios Krahô defronte ao Hospital Municipal em Carolina - MA.

Marco do primeiro centenário da cidade de Carolina - MA.    Índios da tribo Krahô junto a camionete da Funai.    Casal de índios Krahô nas proximidades do Hospital Municipal de Carolina - MA..

A oportunidade de se percorrer uma distância razoável pilotando a minha motocicleta, conhecer novos lugares e pessoas, tirar fotos, registrar na memória e no meu site na Internet os fatos relativos à viagem é sempre um privilégio; e eu valorizo muito isto tudo.

Honda C100 Dream bastante original, ano de fabricação 1998, nas ruas de Carolina - MA.

Esplêndida vista do rio Tocantins a partir do porto das balsas em Carolina - MA.

Sede do Clube Ideal datada de 1940.            Honda C100 Dream (ano 1998) bastante original.        Esplêndida vista do rio Tocantins a partir do porto das balsas em Carolina - MA.

Nesta viagem à Chapada das Mesas - MA rodei 1.287 km de Goiânia - GO a Carolina - MA em dois dias; pernoitei em Aliança do Tocantins - TO, logo após Gurupi - TO.  Permaneci dois dias em Carolina - MA, onde conheci a cidade e arredores (Chapada das Mesas - MA).

Itamar e Fatima Rocha, proprietários da Rocha's Pousada em Carolina - MA. Manhã de 12/10/2011.

Simpático casal Itamar e Fátima Rocha, proprietários da Rocha's Pousada, em Carolina - MA onde fiquei hospedado.


Retornei então a Goiânia - GO, com pernoite em Gurupi - TO, em dois dias percorrendo 1.270 km no percurso de retorno.  Esta viagem que totalizou 2.557 km transcorreu maravilhosamente bem, a minha Sundown STX Motard manteve um bom ritmo com velocidade-cruzeiro em torno dos 100 km/h, girando a 6.000 rpm; subindo para os 7.000 rpm a velocidade ia tranquilamente aos 110 km/h nas retas e 120 km/h nas descidas.  Isto significa rodar folgadamente abaixo da faixa vermelha que começa aos 9.000 rpm.

Vai e vem das balsas no rio Tocantins, na ligação entre Filadélfia - TO e Carolina - MA.

Retão "sem fim" da BR 153 nas imediações da cidade de Gurupi - TO.

Visão corriqueira na BR 153: caminhões transportando vagões que serão usados na ferrovia Norte-Sul.

Vai e vem das balsas no rio Tocantins.        Retão "sem fim" da rodovia BR 153 (Belém - Brasília).        Transporte de vagões que serão utilizados nas composições da ferrovia Norte-Sul.

Esta viagem foi realizada entre os dias 08/10/2011 e 13/10/2011. Foram quatro dias na estrada (dois na viagem de ida e dois na viagem de volta) e dois dias de permanência em Carolina - MA.  A rodovia Belém - Brasília (BR 153) está bem conservada, com o asfalto em ótimas condições, acostamentos limpos e recuperados.  O movimento de veículos foi relativamente pequeno no primeiro dia de nossa viagem de ida (sábado, 08/10/2011); no dia seguinte (domingo, 09/10/2011) enfrentamos uma situação totalmente diversa, a rodovia estava com um movimento intenso de caminhões.

O tráfego de veículos na viagem de volta foi relativamente pequeno.  No segundo dia de viagem, já no estado de Goiás é que enfrentei um tráfego de caminhões um pouco mais acentuado.

O calor foi intenso nos dois dias mencionados, com pouca umidade relativa do ar, havia também muita fumaça no ar devido aos focos de incêndio em alguns trechos às margens da rodovia.

Colírio para os olhos: vereda de buritis às margens da rodovia BR 153.

A Sundown STX Motard bastante suja após esta viagem à Chapada das Mesas - MA, na noite do dia 13/10/2011.

Motor da Sundown STX Motard quando do retorno da viagem à Chapada das Mesas - MA.

Colírio para os olhos: vereda de buritis na BR 153 próximo da divisa dos estados do Tocantins e Goiás.    Sundown STX Motard bastante suja após a viagem à Chapada das Mesas - MA.    Motor da Sundown STX Motard sujo após a chegada a Goiânia - GO.

A viagem de volta a Goiânia - GO transcorreu tranquila, nos dois dias de viagem o céu estava nublado, a temperatura mais amena.  As chuvas intermitentes e localizadas só começaram a ocorrer no trecho entre Uruaçu - GO e Goiânia - GO.  Usei a roupa de chuva apenas uma vez, depois a tirei pelo fato da chuva ter parado, e também por causa do calor.  Acabei atravessando um trecho de estrada tomando chuva, e sem a roupa de chuva; mas nada que viesse a tirar a emoção e alegria que esta viagem me proporcionou.

Álbum de fotos dessa viagem:

https://onedrive.live.com/?id=F4596AEAEF09CF68%212295&cid=F4596AEAEF09CF68&group=0
 

Mais sobre a Sundown STX Motard