Honda C-100
Dream
   
Honda CBX 250
Twister
     
 Motos Raras
& Clássicas
Sundown Hunter 90 Sundown STX
Motard
Yamaha Ténéré 250
     Mapa do site

Bookmark and Share

English      Próximas páginas sobre a Sundown STX Motard:    12   13   14  15 

Sundown STX Motard: Viagens em 2013

Comecei o ano de 2013 realizando viagens curtas, até o momento, mas planejando roteiros mais longos.  A vontade de quebrar a rotina diária e sair por aí na minha moto é grande, mas os compromissos nem sempre o permitem.

No dia 24/02/2013 participamos (eu e Theresa) de um pequeno passeio com um grupo de amigos na região de Hidrolândia - GO.

Nas minhas pesquisas na Internet descobri recentemente que a 
Royal Enfield vai inaugurar a sua montadora no Brasil no próximo ano (2014), e que já está operando oficialmente no país na modalidade importação direta.  Esta tradicional marca inglesa (originalmente) é fabricada na Índia desde 1955, e encanta motociclistas do mundo inteiro por ser uma verdadeira clássica.  Já há muitos anos que eu acesso o site da empresa na Índia e me encanto com os vários modelos fabricados por eles, bem como pelos passeios organizados pela fábrica e por proprietários das motos; especialmente as viagens pela região dos Himalaias.

Eu particularmente gosto do modelo Royal Enfield Bullet Electra Classic Deluxe, que é este logo abaixo:

Royal Enfield Electra Classic

Royal Enfield Bullet Electra Classic Deluxe, a minha preferida.


Entretanto, as Royal Enfield Bullet Classic como as que estão chegando ao Brasil também são muito bonitas.  A meu ver as mesmas vieram para ficar.  A maneira como a empresa está operando no país, dispensando uma atenção especial aos consumidores através de um sistema de relacionamento muito bem elaborado (e apoiado) na Internet, não só demonstra inovação mas também agilidade.  Maiores informações estão disponíveis no site da empresa:
https://royalenfield.com/locateus/bookatestride/?country=28&state=310&city=616

No dia 17/03/2013 fizemos um passeio de 270 km, tivemos um dia muito agradável.  
É interessante como o tempo voa, principalmente quando estamos fazendo aquilo que gostamos: no meu caso é estar pilotando uma moto; não importando qual seja o percurso - um passeio curto ou um roteiro longo.  A minha Sundown STX Motard estará completando cinco anos de intenso uso no início do mês de Maio de 2013.  E eu estarei completando os meus 43 Anos de Motociclismo.



VIAGEM AO CÂNION DO GUARTELÁ - MARÇO DE 2013

Esta nova aventura superou todas as expectativas.  Saímos de Goiânia - GO às cinco horas da manhã do dia 27/03/2013, e retornamos no dia 31/03/2013.  Percorremos em torno de 1.041 km (viagem de ida) cruzando parte de quatro estados brasileiros (Goiás, Minas Gerais, São Paulo e Paraná), até Tibagi - PR - nosso destino final.  A distância total percorrida (ida e volta) foi em torno de 2.300km.

Ao clicar em cada foto, você a verá em tamanho maior numa outra janela.  Todas as fotos tem legenda.

Preparação para a saída, Posto Shell (Vila Brasília) às cinco horas da manhã.

Primeira parada: Posto Décio - Araporã - MG.

Rodovia BR-153 em obras, interior de São Paulo

Preparação para a saída.            Primeira parada: Posto Décio - Araporã - MG.           Rodovia BR-153 em obras, interior de São Paulo.

A região onde se situa o Cânion do Guartelá é muito bonita, as rodovias muito bem conservadas com asfalto de ótima qualidade, as fazendas com estrutura de primeiro mundo.  Enfim, é uma região bem preparada para receber os turistas que lá demandam.

Visão lateral dos quartos, Pousada das Alamandas em Tibagi - PR.

Nossas motos estacionadas na praça central defronte à Pousada das Alamandas.

Pórtico de entrada do Parque Estadual do Guartelá.

Visão lateral dos quartos, Pousada das Alamandas em Tibagi - PR.            Nossas motos estacionadas na praça central defronte à Pousada das Alamandas.           Pórtico de entrada do Parque Estadual do Guartelá.

O nosso grupo foi constituído de cinco motos e um carro: duas Yamaha Lander XTZ-X Motard (Mauro e Marinho), uma Sundown STX Motard (Ricardo), uma Honda Fan 150 (Toninho), uma Kawasaki Vulcan 900 (João Rau) e um Kia Cerato (com Theresa e Marta).

Pudemos notar que a administração da cidade, ao longo dos anos, trabalhou no sentido de deixar registrado nos monumentos públicos (principalmente na praça central e no museu) a rica história da mesma.



Painel descritivo da história de Tibagi, principalmente no que diz respeito ao garimpo de ouro e diamantes.


            Painel descritivo da história de Tibagi, principalmente no que diz respeito ao garimpo de ouro e diamantes.


Marco da Rota dos Tropeiros, à margem do rio Tibagi.

Pose diante do marco da Rota dos Tropeiros.

Vista parcial do mirante na cidade de Tibagi - PR. Visual magnífico com o céu azul.

Marco da Rota dos Tropeiros, à margem do rio Tibagi.            Pose diante do marco da Rota dos Tropeiros.            Vista parcial do mirante na cidade de Tibagi - PR.

Na ida percorremos os 1.041 km que separam Goiânia - GO de Tibagi - PR em um dia.  Embora fosse quarta-feira enfrentamos bastante trânsito na rodovia BR-153, principalmente no Estado de São Paulo, e trânsito parado em alguns trechos devido a obras e um acidente.  Isto fez com que nossa viagem de ida se estendesse das cinco horas da manhã até as nove e meia da noite.  A viagem toda foi feita sem incidentes e com bastante segurança.


Theresa passeando na praça central de Tibagi - PR.

Chegada ao Parque Estadual do Guartelá.

Panelões formados há milhares de anos na pedra do leito do rio Iapó.

Theresa passeando na praça central de Tibagi - PR.            Chegada ao Parque Estadual do Guartelá.        Panelões formados há milhares de anos na pedra do leito do rio Iapó.

As estradas estaduais da região estão muito bem cuidadas, com asfaltamento impecável.  As margens das mesmas tem a vegetação bem aparada, e o visual das fazendas com suas lavouras (principalmente soja e milho) é muito bonito.  A pilotagem das motos em tais condições se mostrou muito prazerosa.

Theresa caminhando numa das passarelas de madeira (trilha do Parque Estadual do Guartelá).

Mirante principal do Parque Estadual do Guartelá.

Eu e Theresa posando para a foto no mirante principal do parque.

Theresa caminhando numa das passarelas de madeira (trilha do Parque Estadual do Guartelá).            Mirante principal do Parque Estadual do Guartelá.           Eu e Theresa posando para a foto no mirante principal do parque.

Nos impressionou bastante a excelente estrutura do Parque Estadual do Guartelá, e a natureza exuberante e marcante do mesmo.  

Cascata maior do Parque Estadual do Guartelá.

Nosso grupo reunido para esta foto.

Moinho de vento comemorativo dos 60 anos da imigração holandesa - Castrolanda - PR.

Cascata maior do Parque Estadual do Guartelá.            Nosso grupo reunido para esta foto.           Moinho de vento comemorativo dos 60 anos da imigração holandesa - Castrolanda - PR.

Esta cascata maior do parque (dentre as inúmeras outras lá existentes) se destaca pelo fato da água ter feito o seu caminho por uma rachadura na pedra maciça (em milhares de anos).  É puramente uma obra da Natureza, sem a mínima interferência do ser humano.


Capa do folder de divulgação do município.

Parte interna do folder de divulgação do município.

Parte interna do folder de divulgação do município.

Cascata maior do Parque Estadual do Guartelá.            Principais atrações da região.           Destaques para atividades e atrações.

O folder de divulgação do município de Tibagi - PR contendo as principais atrações e atividades da região merece ser divulgado.  Esta é uma cidade preparada para receber o turista, oferecendo ao mesmo todas as condições de desfrutar das belezas da região de maneira tranquila e com conforto.


Localização de Tibagi - PR no mapa do Brasil.


            Localização de Tibagi - PR no mapa do Brasil, e lista de telefones úteis.


Nesta viagem precisei trocar o óleo da moto em Tibagi - PR.  Como não havia o óleo Lubrax semi-sintético, que é o que venho usando ultimamente, resolvi usar o Mobil 15W-50 semi-sintético.  Ao longo do percurso de volta notei uma melhora sensível do desempenho do motor de minha Sundown STX Motard: o motor mostrou-se com mais compresssão, e sem muito esforço consegui subir em quinta marcha aclives que antes exigiam a quarta marcha.  Observei, também,  que a moto ficou mais econômica.

Dados relevantes relativos ao desempenho da Sundown STX Motard nesta viagem:

O consumo ficou em torno dos 27 km/litro, em alguns trechos consegui médias de consumo próximas dos 30 km/litro.

Em vários trechos planos e com asfalto em condições perfeitas alcancei velocidades entre 110 e 120 km/hora, com o contagiros marcando rotações na faixa entre as 6.200 rpm e 6.500 rpm.  Devemos ressaltar que a faixa vermelha do contagiros começa em 9.000 rpm.

A viagem terminou aproximadamente às 15:30 hs do dia 31/03/2013 em Goiânia - GO.  Esta definitavamente foi uma viagem que vai deixar ótimas lembranças, principalmente pelo fato de ter sido feita sem nenhum incidente e com um ótimo desempenho de todas as motos e também do carro.

Mais fotos desta viagem estão disponíveis no seguinte link:

https://onedrive.live.com/?id=F4596AEAEF09CF68%211177&cid=F4596AEAEF09CF68&group=0



A minha Sundown STX Motard completou cinco anos de uso no início do mês de Maio de 2013, e já está com quase 50.000 km rodados.  Tenho aproveitado bastante esta moto, principalmente nas inúmeras viagens que já fiz até agora com ela.


Manhã do dia 1o. de Maio de 2013, minha Sundown STX Motard com quase 50.000 km rodados.



Minha Sundown STX Motard no dia 1o de Maio de 2013, com quase 50.000 km rodados.


No dia 11/05/2013 estive na revenda Cical Honda Dream (motos importadas) para ver de perto o novo lançamento mundial da marca - Honda CRF 250L. É uma "japonesa" produzida na Tailândia, por sua vez a minha Sundown STX Motard é uma "brasileira" produzida na China.  Tudo isto é resultado de um mundo cada vez mais globalizado, onde as vantagens econômicas decorrentes deste fato beneficiam apenas alguns poucos.  Principalmente os grandes fabricantes.



Manhã do dia 11 de Maio de 2013, Honda CRF 250L (lançamento) e minha Sundown STX Motard com quase 50.000 km rodados.



Honda CRF 250L (lançamento) e minha Sundown STX Motard no dia 11 de Maio de 2013.

Fazendo um contraponto que entendo como perfeitamente válido e oportuno: há cinco anos atrás (Maio de 2008) comprei a minha Sundown STX Motard por R$ 8.060,00. A Yamaha XTZ 250X que meu irmão comprou na mesma época custou R$ 12.000,00.  Pela tabela da fábrica uma Honda XRE 300 custa hoje (13/05/2013) R$ 13.290,00 (Standard) ou R$ 14.990,00 (C-ABS), já a Honda CRF 250L (só agora lançada no Brasil) custa R$ 19.900,00.  Em resumo, as fábricas/montadoras no Brasil estão praticando o preço que querem, desafiando a lógica do mercado, e afugentando os consumidores.


Manhã do dia 11 de Maio de 2013, minha Sundown STX Motard com quase 50.000 km rodados e a Honda CRF 250L (lançamento) na porta da revenda Cical Honda Dream (motos importadas).



Minha Sundown STX Motard no dia 11 de Maio de 2013, com quase 50.000 km rodados, e a Honda CRF 250L (lançamento).

Só nos resta aguardarmos a entrada de novos lançamentos de motos chinesas, já que as nacionais estão com "preços salgados" há muito tempo.



No dia 29/09/2013 (véspera do meu aniversário de 62 anos) fui para a estrada com um grupo de amigos.  Fizemos um passeio até a cidade de Itumbiara - GO, localizada na divisa dos Estados de Goiás e Minas Gerais.


Manhã de 29/09/2013, av. Beira Rio em Itumbiara - GO.

Meus amigos na Av. Beira Rio, Itumbiara - GO em 29/09/2013.

Jet Ski no Rio Paranaíba, em 29/09/2013.

Manhã de 29/09/2013, av. Beira Rio em Itumbiara - GO.          Meus amigos na Av. Beira Rio, Itumbiara - GO em 29/09/2013.           Jet Ski no Rio Paranaíba, o céu anunciando chuva.

Há muito tempo eu queria retornar à Ponte Afonso Pena (Affonso Penna na grafia original), ponto de passagem em inúmeras viagens que fiz para Belo Horizonte - MG com os meus pais quando eu ainda era criança.  Nós íamos de camionete, de Goiânia - GO a Belo Horizonte - MG numa viagem que durava em média dois dias e meio, em estradas de terra.  Esta ponte pênsil está em minhas boas memórias da infância.

Nas inúmeras outras vezes em que cruzei o rio Paranaíba em Itumbiara - GO, nas minhas viagens de carro e de moto, o fiz na outra ponte existente que fica mais próximo a Araporã - MG.


Eu na ponte Afonso Pena, Itumbiara - GO, divisa de Estados: Goiás e Minas Gerais.



Eu na ponte Afonso Pena, Itumbiara - GO, divisa de Estados: Goiás e Minas Gerais.

O dia estava bastante agradável, o céu nublado no entanto prenunciava chuva à tarde.  Na realidade quando chegamos a Itumbiara o tempo estava bastante fechado e logo começou a chover.  Mas nada tirou o prazer de botar a moto na estrada novamente com um grupo de amigos.


Placa de inauguração da Ponte Affonso Penna em Itumbiara - GO.



Placa de inauguração da Ponte Affonso Penna em Itumbiara - GO.  Esta é a ponte pênsil mais antiga do Brasil.

No dia 05/10/2013 troquei a bateria da moto, desta vez optei por colocar uma bateria Moura - especificação MA7-D.  A mesma custou R$ 130,00.  A anterior (bateria Heliar) durou aproximadamente 2 anos e três meses; é interessante mencionar que a minha moto ficou parada nos meses de Agosto e Setembro de 2013.  Na minha opinião este fato contribuiu para que a bateria exaurisse a sua carga, e atingisse o seu prazo final de validade.

A nossa "Motocada de Novembro" aconteceu no dia 16/11/2013; esta foi uma data bastante conveniente pelo fato de estar entre o início e fim do feriado prolongado da Proclamação da República.  Fizemos um roteiro bastante interessante, o qual totalizou 478 quilômetros, saindo de Goiânia - GO em direção a Abadiânia - GO, Corumbá de Goiás - GO, Cocalzinho - GO, Águas Lindas de Goiás - GO, Taguatinga - D.F., Brasília - D.F., Alexânia - GO, Abadiânia - GO, Anápolis - GO, Terezópolis de Goiás, e finalmente retornando a Goiânia - GO.


Manhã de 16/11/2013, Salto do Corumbá - GO.

Nossas motos estacionadas na Lanchonete Ficus - GO em 16/11/2013.

Nossas motos estacionadas no mirante do Salto do Corumbá - GO.

Manhã de 16/11/2013, Salto do Corumbá - GO.          Nossas motos estacionadas na Lanchonete Ficus - GO em 16/11/2013.           Mirante do Salto de Corumbá - GO.

Aproveitamos bastante o passeio, o qual transcorreu num dia de clima agradável e estradas com pouco movimento.

Próxima página sobre a Sundown STX Motard