Honda C-100
Dream
   
Honda CBX 250
Twister
     
 Motos Raras
& Clássicas
Sundown Hunter 90 Sundown STX
Motard
Yamaha Ténéré 250
     Mapa do site

Bookmark and Share

English            Próxima página sobre a Sundown STX Motard:  15

Sundown STX Motard: Passeios e Viagens em 2016

Comecei o ano de 2016 preparando a minha moto para novas aventuras a serem realizadas na forma de passeios e viagens.  Para tanto adquiri e instalei um kit composto de I-Booster e vela de ignição NGK Iridium Dr8eix (Made in Japan); essencialmente busco com isso ter uma otimização geral no desempenho do motor de minha Sundown STX Motard.

Já há muito tempo que venho pesquisando sobre o assunto e, como sempre faço, busco o resultado final na prática, por mim mesmo. E isso vou constatar na prática ao longo do ano de 2016.


Ao clicar em cada foto, você a verá em tamanho maior numa outra janela.  Todas as fotos tem legenda.

Kit Ibooster F3 mais vela de ignição NGK Iridium Dr8eix (Made in Japan)

Instalação do Kit Ibooster F3 mais vela de ignição NGK Iridium Dr8eix (Made in Japan) na minha Sundown STX Motard na manhã de 02/01/2016.

No dia 24/01/2016 fiz um pequeno passeio em torno de 200 quilômetros na região de São Miguel do Passa Quatro - GO.  Fomos conhecer - eu e o amigo Mauro Gomes - o Poço da Pedra, que fica praticamente ao lado da área urbana da cidade. Existe uma estrutura básica de suporte ao lazer no local, o qual é uma propriedade particular equipada para receber pessoas que queiram desfrutar do contato com a natureza num local de fácil acesso.

Esses pequenos passeios servem para encontrarmos o grupo de amigos, bem como para colocar as motos na estrada enquanto não realizamos as viagens maiores.  Assim em 20/03/2016 fizemos um roteiro passando por Trindade - GO, almoço às margens da BR-060 em Posselândia - GO, ida a Palmeiras de Goiás e retorno a Goiânia - GO via rodovia GO-060. Nós valorizamos muito cada oportunidade dessas!

Devido ao excelente clima do início de Abril nosso grupo de amigos decidiu ir até o Poço da Pedra, em 
São Miguel do Passa Quatro - GO.  Dessa vez estávamos em oito motos, num total de treze pessoas. Esse passeio realizado no domingo, 03 de Abril de 2016 serviu para colocarmos a conversa em dia e desfrutar de um passeio por estradas tranquilas e com pouco movimento.

Nós rodamos 200 quilômetros no total, e eu pude observar que com o
kit composto de I-Booster e vela de ignição NGK Iridium Dr8eix (Made in Japan) a minha moto atingiu um padrão de consumo em torno dos 33 km/litro (200 km rodados consumindo 6,0 litros de gasolina). Atingiu essa marca rodando com garupa, e numa faixa de velocidade entre 90 e 110 km/hora.


Pinhão de 14 dentes.

Coroa de 36 dentes da marca Vaz.

                                                            Pinhão de 14 dentes - Sundown STX Motard                                                                                                          Coroa de 36 dentes - Sundown STX Motard

No dia 05 de Abril de 2016 eu decidi trocar a transmissão secundária completa (coroa, corrente e pinhão), a mesma já mostrava os sinais de desgaste natural após rodar por mais de 35.000 km.  Optei por usar novamente coroa da marca Vaz (36 dentes), mantive o pinhão (14 dentes) da marca Riffel que eu havia colocado em Agosto de 2014 (o anterior, original da Suzuki RM 350 durou mais de 6 anos), e corrente KMC (520).  Essa combinação mostrou-se bastante eficiente no uso em diversas situações.  Devo mencionar aqui que a minha moto já está com 69.378 quilômetros rodados até a data de hoje (05/04/2016).

Bom Jardim - MT - 2016, não é Bonito - MS mas é LINDO!

Já há muito tempo que eu queria novamente fazer uma viagem por um roteiro que passasse por locais mais isolados, nos sertões de Mato Grosso.  Recentemente entrei em contato pela Internet com a região de Nobres - MT, mais especificamente com o distrito de Bom Jardim - MT.  Essa região, com seus inúmeros atrativos ainda pouco explorados, já é considerada como o Bonito de Mato Grosso (em comparação com a região de Bonito - MS, já bastante conhecida de turistas do Brasil e exterior).

Álbum de fotos dessa viagem:

 https://onedrive.live.com/?id=f4596aeaef09cf68%213460&cid=F4596AEAEF09CF68


Saímos de Goiânia - GO na quarta-feira por volta das 06:30 hs tendo como meta pernoitarmos em Campo Verde - MT.  Esta cidade localiza-se no Sudeste Mato-Grossense, na micro-região de Primavera do Leste - MT, e tem como base de sua economia o agro-negócio.

Essa viagem permitiu-me retornar à região da Chapada dos Guimarães, onde estive anteriormente no final de Maio / início de Junho de 2011. Na realidade o meu interesse maior foi o de conhecer a região de Bom Jardim - MT antes do turismo se tornar muito intenso. E assim apreciar a Natureza preservada em seu esplendor primitivo.

Os amigos Renato (Yamaha Crosser 150cc) e Toninho (Yamaha XTZ-X 250cc) foram os companheiros dessa aventura; e eu como sempre nos últimos oito anos rodei com a minha Sundown STX Motard 200cc. Durante essa viagem a minha moto ultrapassou os 71.000 km rodados desde Maio de 2008, sendo desses mais de 52.000 km rodados em viagens.  Eu considero esta marca bem significativa para uma moto de origem chinesa, de apenas 200 cilindradas.


Viagem a Bom Jardim - MT. De 20 a 24 de Abril, 2016.

Como eu já sabia que passaríamos por regiões com poucos recursos em termos de postos de abastecimento fiz uma programação de paradas para reabastecimento em intervalos aproximados de 200 quilômetros rodados.

A maioria dos amigos que comigo viajam (tanto em passeios, quanto em viagens por roteiros maiores) possuem duas, ou mesmo três motos de cilindradas diversas (incluindo motos grandes).  Eu os acompanho (ou eles me acompanham) na minha Sundown STX Motard 200cc.

Viagem a Bom Jardim - MT. De 20 a 24 de Abril, 2016.

Ao longo dos oito anos que possuo a minha Motard fui solucionando os problemas que apareceram, efetuei os reparos que  foram necessários (os quais estão mencionados nas quinze páginas publicadas até o momento sobre essa moto), e cheguei à "configuração" que considero ideal para a mesma:
E assim tenho conseguido um bom desempenho com economia no uso normal da mesma; tanto em utilização urbana, quanto em viagens.  Nos últimos tempos tenho circulado pouco com a minha moto no trânsito urbano, e sua utilização tem sido direcionada mais para viagens e passeios que faço com os amigos.  O trânsito intenso de Goiânia, o qual já está mais para metrópole do que para a cidade do interior do Brasil que já foi um dia, não mais favorece uma circulação tranquila em ritmo de passeio.

Esta foi uma grande viagem, pelo roteiro e pelos amigos que me acompanharam. Percorremos 2.121 km entre os dias 20 e 24 de Abril, 2016.  A minha moto consumiu 66,85 litros de gasolina, o que resultou na excelente média de 31,72 km/litro.


Minha Sundown STX Motard em 01/05/2016. Oito anos de uso, a chinesa que mais conhece o Brasil.

A minha Sundown STX Motard em 01/05/2016.  Oito anos de uso, 71.697 km rodados dos quais 52.416 km em viagens. Essa é a chinesa que mais conhece o Brasil.

No domingo - 15 de Maio de 2016 - reunimos um grupo de amigos para um pequeno passeio no seguinte roteiro: Goiânia - Trindade - Goianira - Brazabrantes - Nova Veneza - Nerópolis - e retorno para Goiânia - GO.  Foi um passeio bastante agradável, o dia estava fresco e nublado e as estradas por onde passamos estavam praticamente vazias.

Algumas fotos estão disponíveis no link: https://onedrive.live.com/?id=F4596AEAEF09CF68%213670&cid=F4596AEAEF09CF68

Nesse passeio reunimos as seguintes motos: Honda NC 700, Kawasaki Versys 650, Honda CB 500X, Yamaha XTZ-X 250 (duas), Sundown STX Motard 200, e Yamaha Crosser 150.  Nosso passeio foi em torno de 120 quilômetros rodados.

Em 05/06/2016 fomos a Olhos D'Água (distrito de Alexânia - GO) visitar a tradicional Feira do Troca, dessa vez em sua 86a edição; esse foi um pequeno passeio que totalizou 280 km rodados. O amigo Mauro Gomes publicou uma página com as fotos do mesmo.

Alguns amigos comentaram comigo a respeito do Restaurante Empório Casarão localizado na BR-060, município de Cezarina - GO.  No domingo - 26/06/2016 - reunimos um grupo de amigos e fomos conhecer este local.  Foi um passeio muito agradável!

Algumas fotos estão disponíveis no álbum contido no link a seguir: https://onedrive.live.com/?cid=F4596AEAEF09CF68&id=f4596aeaef09cf68%213738

Na tarde de 22 de Julho de 2016 deixamos Goiânia - GO rumo a Formosa - GO para um roteiro que incluiu uma visita ao Salto do Itiquira, estadia em Formosa - GO, e retorno a Goiânia - GO com parada em Brasília - D.F., onde visitamos o evento motociclístico Brasília Capital Moto Week. Nosso grupo foi composto de seis pessoas: eu e Theresa, Mauro e Célia, e Toninho e Salma.

Viagem a Formosa - GO. De 22 a 24 de Julho, 2016.

No domingo cedo deixamos Formosa - GO rumo ao Parque de Exposições da Granja do Torto, em Brasília - D.F. Nós retornamos a Goiânia - GO na tarde de domingo, após visitarmos o citado evento.  Paramos para almoçar em Abadiânia - GO, e chegamos de volta a Goiânia - GO no final da tarde de domingo, 24 de Julho de 2016.

Viagem a Formosa - GO. De 22 a 24 de Julho, 2016.

As fotos estão disponíveis no álbum contido no link a seguir: https://onedrive.live.com/?cid=F4596AEAEF09CF68&id=f4596aeaef09cf68%213810

Viagem a Formosa - GO (Salto do Itiquira). De 22 a 24 de Julho, 2016.

Rodamos 695 km no total.  Essa foi mais uma ótima oportunidade para colocarmos nossas motos na estrada e fazermos um passeio com amigos.  É interessante observar que nessa viagem a minha moto fez uma média de 33,18 km/litro, tanto na ida quanto na volta.  Eu entendo que isso é devido a uma limpeza completa do carburador, feita há quinze dias atrás, e também a troca do coletor (que liga o carburador ao bloco do motor) que estava com trincas.

Esse procedimento fez com que a rotação de marcha lenta do motor voltasse ao padrão original, com funcionamento regular (sem oscilações) mantendo-se por volta de 1500 ± 100 rpm.

A partir dessa última viagem eu notei que o motor da minha moto começou a fazer um barulho diferente. Prestando bastante atenção para identificar a origem do mesmo, e conversando com o mecânico de minha moto chegamos à conclusão que o mesmo era proveniente da biela.

Imagens do motor da Sundown STX Motard (aberto).

Imagens das partes internas do motor da Sundown STX Motard, em 06/08/2016.

O motor da moto foi aberto e constatamos que era necessário trocar o kit de biela, pino e gaiola (rolamento da biela).  Fiz a compra do kit pela Internet, e o mesmo foi trocado.  O motor da minha Sundown STX Motard já está com uma quilometragem em torno dos 75.000 km.  Ao abrir o motor percebemos também que o estator de voltagem também estava avariado na fiação e plug de conexão.

Aliás, em Julho de 2011 eu já havia feito um novo enrolamento na fiação do estator da minha moto. Naquela ocasião foi usado fio de diâmetro maior que o original de maneira a proporcionar uma maior segurança e estabilidade na parte elétrica da motocicleta.

Kit biela e novo estator da Sundown STX Motard.

Imagem do kit biela e novo estator da Sundown STX Motard, em 06/08/2016.

Ao invés de consertá-lo optei pela troca, já que esse estator ainda era o original da moto (Made in China).  O Júnior (mecânico que faz a manutenção de minha moto) instalou um estator original da Suzuki Intruder 250, usado mas em excelente estado de conservação.  Dessa forma agora a minha moto tem o retificador de voltagem e o estator da Suzuki Intruder 250; ambos originais desse modelo.  Certamente os problemas de bateria com pouca carga, dificuldade de fazer a moto pegar, e outros do gênero serão solucionados com essa combinação de componentes de melhor qualidade e efetividade no desempenho.

No dia 21 de Agosto de 2016 fizemos um pequeno passeio, o qual foi interrompido por uma forte chuva.  Estávamos na lanchonete Pedra Branca, na rodovia BR-153, no município de Hidrolândia - GO.  Ao seguirmos em direção a Goiatuba tivemos que interromper nosso passeio e retornar para Goiânia - GO.

No sábado, 03/09/2016, estivemos visitando os bastidores do 24o. Rally dos Sertões, no Autódromo Internacional de Goiânia; o link para o álbum de fotos é: https://onedrive.live.com/?id=F4596AEAEF09CF68%213976&cid=F4596AEAEF09CF68

Aproveitando o feriado de 7 de Setembro (Independência do Brasil) fizemos um passeio interessante, numa rota que já é nossa conhecida e que de vez em quando trilhamos o mesmo caminho.

Já havia algum tempo que eu vinha notando a roda dianteira meio presa, e de vez em quando fazendo uns ruídos característicos de rolamento com defeito. O cabo do acelerador também estava com funcionamento irregular (prendendo); então, no dia 20 de Setembro de 2016 levei a moto na oficina Moto Treil e troquei os dois rolamentos do cubo dianteiro e o cabo do acelerador (A). Optei por retirar o cabo de retorno (B), por sugestão do meu amigo Marinho.  Com isso a aceleração agora funciona em "sintonia fina e mais leve", e com respostas imediatas a um simples toque no acelerador.

É interessante observar que os rolamentos originais do cubo dianteiro só foram trocados agora (pela primeira vez), após 74.000 km rodados.

Na realidade o que estava prendendo o cabo do acelerador era um trincado/quebra na pequena roldana plástica que aciona o sistema de retorno da aceleração.  A despeito disso resolvi trocar assim mesmo o cabo principal do acelerador, mantendo apenas o mesmo e eliminando o cabo de retorno.

No sábado, dia 1o. de Outubro de 2016, fizemos um passeio com um grupo de amigos até o Restaurante Casarão. O mesmo é localizado na rodovia BR-060, no município de Cezarina - GO.  Fomos comemorar o meu aniversário de 65 anos de idade (completados no dia anterior, 30/09/2016).

Reunião festiva, eu e amigos.

Theresa e eu no estacionamento do Restaurante Casarão.

A partir da esquerda: Renato, Mauro, Paulo, eu, e meu irmão Irom.                                                   Theresa e eu no estacionamento do restaurante Casarão.

Mais fotos estão disponíveis no álbum contido no link a seguir: https://onedrive.live.com/?id=F4596AEAEF09CF68%214149&cid=F4596AEAEF09CF68

Sempre que temos uma oportunidade de fazermos um passeio de moto, mesmo que pequeno, reunimos os nossos amigos e pegamos a estrada. No domingo, 20 de Novembro de 2016, fomos a Bela Vista de Goiás, Piracanjuba onde almoçamos, e retornamos a Goiânia - GO via rodovia BR-153.

A caminho de Piracanjuba - GO na manhã de 20/11/2016.
A caminho de Piracanjuba - GO na manhã de 20/11/2016.

As fotos desse passeio estão disponíveis nos seguintes links:

https://onedrive.live.com/?cid=F4596AEAEF09CF68&id=f4596aeaef09cf68%214185  e 

no site do amigo Mauro Gomes.

Como é tradição de nosso grupo de amigos motociclistas realizamos o fecho do ano em curso com o passeio Bye Bye 2016, no dia 11/12/2016.

As fotos do passeio estão disponíveis no álbum:  https://onedrive.live.com/?cid=F4596AEAEF09CF68&id=f4596aeaef09cf68%214241

A minha Sundown STX Motard totalizou 75.150 quilômetros rodados nesse passeio citado acima.  Eu noto que o desempenho da moto está muito bom, e rodando na faixa de velocidade entre os 90 a 110 km/hora consegui obter a média de 31,36 km/litro.  Então isso comprova o acerto na troca do kit de biela, pino e gaiola (rolamento da biela).

Próxima página sobre a Sundown STX Motard